Home Destaque Google Maps registrou OVNI no vulcão Kilauea, no Havaí

Google Maps registrou OVNI no vulcão Kilauea, no Havaí

140
1
COMPARTILHE

Ao que tudo indica, a ferramenta de mapeamento do Google registrou um OVNI no vulcão Kilauea, no Havaí. O ufólogo Pedro Ramirez publicou um vídeo em suas redes sociais que mostra imagens captadas, segundo ele, pela câmera do gigante da internet através do Google Maps.

Ramirez postou um vídeo no Youtube, onde ele mostra como a câmera do Google Maps teria capturado um enorme OVNI voando a área perto do vulcão Kilauea, localizado no Havaí.

No vídeo é possível ver um objeto preto, oval, de contorno bem definido que parece voar sobre a área nas proximidades do vulcão, cuja atividade causou a evacuação de milhares de pessoas e destruiu cerca de 40 casas. Ainda hoje o vulcão continua em atividade, e seus rios de lava estão destruindo tudo o que encontram pela frente, causando grande preocupação com as nuvens de cinzas de fumaça tóxica.

Em 8 de maio de 2018, o ufólogo Ramirez publicou um post em que escreveu: “Depois do forte terremoto que desencadeou a erupção do vulcão Kilauea, uma onda de avistamentos de objetos voadores não identificados foi iniciada, a partir da ilha. Como sabemos, os UFOs estão presentes em todas as áreas com atividade vulcânica no mundo, e o Kilauea não é exceção”.

Em seguida, Ramirez acrescentou que a onda “é confirmada pela captura extraordinária do ‘Google Maps'”. No post Ele dá mais detalhes sobre a imagem, um fotograma que teria sido capturado em Punalu’u Beach Black Sand Beach, localizado a poucos quilômetros do vulcão Kilauea.

A imagem apresenta um OVNI de forma oval com grandes dimensões que o pesquisador estimou voar a cerca de 60-70 metros acima das palmeiras, paralelo à praia. “Deve-se notar, destacando, o tom escuro do objeto que contrasta perfeitamente com o céu cinza”, ressaltou o pesquisador.

Na captura parece um “UFO” que parece seguir os movimentos dos turistas, mas é confirmado como um objeto sólido e não um artefato da fotografia. Mesmo imagens diferentes mostram que o OVNI está se afastando do lugar “.

OVNI no vulcão Kilauea é real, mas a imagem é antiga

O vídeo de Ramirez não conta toda a história, no entanto. A partir do comentário de um internauta, que postou o link completo da imagem – parte do Google Street View, e não do Google Maps – o Portal Vigília conseguiu localizar o instantâneo analisado pelo pesquisador e confirmar que um objeto escuro está presente em outros fotogramas da sequência, praticamente descartando a ocorrência de um dos famosos erros de processamento de fotos do Street View.

O que quer que seja (e não se pode garantir que seja de fato uma nave extraterrestre), trata-se de um objeto real, apesar de o OVNI não ser tão bem definido nas demais imagens (foto abaixo).

OVNI no Kilauea fotograma por Portal Vigília
Foto Reprodução/Google Street View

O grande problema da análise, no entanto, ocorre com uma omissão importante: a captura nada tem a ver com a erupção atual do vulcão Kilauea. Toda imagem do Google Street View, ou de qualquer sistema de imageamento do Google, contém a data de obtenção da imagem. E, neste caso, o registro foi feito em 2012.

Data do registro de imagem de OVNI no Kilauea
Foto Reprodução/Google Street View

Com informações de Segnidalcielo

1 COMENTÁRIA

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here