FAQ  •  Registrar  •  Entrar

Fotos em Campinas

Moderadores: Britan, Alexandre, Cavaleiro, hsette, Euzébio, eDDy, Moderadores

<<

Britan

Avatar do usuário

Administrador

Mensagens: 2985

Registrado em: Qua Mai 12, 2004 7:14 pm

Localização: Portugal

Mensagem Seg Fev 28, 2011 11:07 am

Obrigado nós por ter apresentado o caso, as fotos e pela simpatia demonstrada. Fique connosco que a partir de agora é mais um membro nesta espécie de familia.
http://www.anozero.blogspot.com
(actualizado, com nova imagem novas funcionalidades, inclui feeds)

Advertisement

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.
<<

Imensidão

Mensagens: 277

Registrado em: Seg Mar 24, 2008 1:43 pm

Localização: santa catarina

Mensagem Seg Fev 28, 2011 10:43 pm

Pelo video realmente deu a idéia de ser um balão, mas quem mais pode dizer, pela maneira que se movimentava(isso é crucial) é amaria.
CENTENAS DE BILHÕES DE SÓIS...
<<

Maria Sofia do Nascimento

Mensagens: 44

Registrado em: Seg Fev 07, 2011 9:16 pm

Localização: Campinas - SP

Mensagem Seg Mar 14, 2011 10:24 pm

é complicado pra eu dizer se é realmente um balão,
sabemos que aqui no Brasil é proibido soltar qualquer tipo de balão, ainda mais próximo a aeroportos. Acho também, que a imagem é grande para um balão do tipo do vídeo, mas como não posso afirmar... fica a dúvida. Enviei uma foto de avião ao Britan para tirar dúvidas.
Qualquer coisa que a mente do homem pode conceber, pode, também alcançar.
Willian C. Stone
<<

Maria Sofia do Nascimento

Mensagens: 44

Registrado em: Seg Fev 07, 2011 9:16 pm

Localização: Campinas - SP

Mensagem Dom Mai 26, 2013 12:20 am

Olá pessoal!

Hoje, li uma reportagem que diz sobre um alinhamento raro entre Mercúrio, Júpter e Vênus. <Segue o link> http://noticias.uol.com.br/ciencia/ulti ... semana.htm . Minha curiosidade me levou a observar o céu com meu velho binóculo, de pouco alcance, e na busca do local certo, percebi, que uma pequena estrela se movia em linha reta, sem desvios, mas do nada sumiu, meio que se perdendo no horizonte. Na hora pensei... satélite, ou uma sonda. Isso despertou ainda mais meu interesse na observação. Menos de 5 minutos depois, eu ainda olhando as estrelas, percebi uma formação triangular. Tive a impressão que uma estrela desta formação se movia, e me concentrei nela... ela estava realmente saindo da posição triangular, se moveu devagar, o suficiente para desmanchar o triângulo... em sentido contrario à outra que tinha visto antes. Não piscava, era uma luz branca, e do nada, apagou, sumiu. Pense... estou ficando louca, mas fiquei, fascinada com o que tinha acabado de ver... e uma sensação, de perda. Isso me acontece sempre. Não é a primeira vez que vejo, e espero que não seja a última... Precisava deixar registrado! :wink:

Até mais!
Qualquer coisa que a mente do homem pode conceber, pode, também alcançar.
Willian C. Stone
<<

Euzébio

Avatar do usuário

Gerente

Mensagens: 4037

Registrado em: Sáb Nov 29, 2003 7:15 am

Localização: São Paulo - Capital

Mensagem Dom Mai 26, 2013 12:34 am

Maria Sofia do Nascimento escreveu:Olá pessoal!

Hoje, li uma reportagem que diz sobre um alinhamento raro entre Mercúrio, Júpter e Vênus. <Segue o link> http://noticias.uol.com.br/ciencia/ulti ... semana.htm . Minha curiosidade me levou a observar o céu com meu velho binóculo, de pouco alcance, e na busca do local certo, percebi, que uma pequena estrela se movia em linha reta, sem desvios, mas do nada sumiu, meio que se perdendo no horizonte. Na hora pensei... satélite, ou uma sonda.


Se seguiu em linha reta, era satélite (ou a ISS). O brilho é devido ao reflexo do sol.

Maria Sofia do Nascimento escreveu:Isso despertou ainda mais meu interesse na observação. Menos de 5 minutos depois, eu ainda olhando as estrelas, percebi uma formação triangular. Tive a impressão que uma estrela desta formação se movia, e me concentrei nela... ela estava realmente saindo da posição triangular, se moveu devagar, o suficiente para desmanchar o triângulo... em sentido contrario à outra que tinha visto antes. Não piscava, era uma luz branca, e do nada, apagou, sumiu. Pense... estou ficando louca, mas fiquei, fascinada com o que tinha acabado de ver...


Este sim, parece algo muito estranho! Nem estrelas nem satélites têm um comportamento como este...

Maria Sofia do Nascimento escreveu:e uma sensação, de perda. Isso me acontece sempre. Não é a primeira vez que vejo, e espero que não seja a última...


Sensação de perda, por quê?

Maria Sofia do Nascimento escreveu:Precisava deixar registrado! :wink:

Até mais!


Deixe sempre registrado estas visões, isto é muito útil para a Ufologia!

Nós agradecemos os seus relatos, conte-nos sempre!

Até mais, Sofia! :wink:
Ad Honorem Extraterrestris

29 de novembro de 2013: 10 anos de Vigília!
<<

Maria Sofia do Nascimento

Mensagens: 44

Registrado em: Seg Fev 07, 2011 9:16 pm

Localização: Campinas - SP

Mensagem Dom Mai 26, 2013 12:49 am

Olá Euzébio!

Respondendo a sua pergunta:

Sensação de perda, por quê?

Porque desde menina vejo luzes assim, é um velho hábito meu, admirar o céu, a lua e estrelas. Tenho sonhos, que parecem reais, converso com seres amigos também em sonhos, e já os vi. Medo eu não tenho, pois sou sempre tranquilizada... sei lá, devo ser só mais uma louca...rsrsrsr. :shock:


Até mais...
Qualquer coisa que a mente do homem pode conceber, pode, também alcançar.
Willian C. Stone
<<

Euzébio

Avatar do usuário

Gerente

Mensagens: 4037

Registrado em: Sáb Nov 29, 2003 7:15 am

Localização: São Paulo - Capital

Mensagem Dom Mai 26, 2013 12:54 am

Já devo ter dito aqui, eu acredito em contatos imediatos através destes "sonhos reais", eu mesmo já tive muitos.

Portanto, não acho que você seja louca, mas sim contatada.

Continue a olhar as estrelas, principalmente aquelas que se movem, e contate-os em sonhos também!
Ad Honorem Extraterrestris

29 de novembro de 2013: 10 anos de Vigília!
<<

Cavaleiro

Avatar do usuário

Moderador

Mensagens: 810

Registrado em: Ter Ago 04, 2009 11:10 am

Localização: Portugal

Mensagem Dom Mai 26, 2013 6:12 pm

Euzébio, se me permite tenho uma pergunta:

Como é que o Euzébio diferencia um sonho normal de um sonho real (que suponho ser um sonho acordado ou lúcido).
Como se acorda de um sonho desses?

Eu acredito que hajam contactos telepáticos com pessoas durante o sono e que através desse método haja comunicação e até condicionamento mental do contactado.
Apenas quero perceber como é que eu poderei um dia diferenciar essas duas situações.
"Não podemos confundir os factos com aquilo que gostaríamos que eles fossem, sob pena de uma investigação séria sobre ovnilogia se transformar numa espécie de devaneio religioso."
de José Manuel Chorão
<<

Euzébio

Avatar do usuário

Gerente

Mensagens: 4037

Registrado em: Sáb Nov 29, 2003 7:15 am

Localização: São Paulo - Capital

Mensagem Dom Mai 26, 2013 9:32 pm

Permito sim, Cavaleiro, pode perguntar sempre que quiser! ;)

Eu diferencio da seguinte forma: o sonho normal geralmente não tem sentido, não tem início nem meio, e nem fim. Eu diria que é abstrato.

O sonho real tem uma sequencia lógica, há uma lucidez maior, uma percepção maior de fatos e pessoas.

Normalmente eu acordo sobressaltado, e tento reter o máximo de detalhes na minha mente. Se não faço isso, posso esquecer até mesmo que sonhei...
Ad Honorem Extraterrestris

29 de novembro de 2013: 10 anos de Vigília!
<<

Maria Sofia do Nascimento

Mensagens: 44

Registrado em: Seg Fev 07, 2011 9:16 pm

Localização: Campinas - SP

Mensagem Dom Mai 26, 2013 9:41 pm

Olá...
Concordo com o Euzébio. E acredito que o sonho normal, não impressiona tanto, que se trata de relações referente a coisas que vivemos no dia a dia... e no sonho real temos situações surreais, mas possíveis, sensações, como tato, paladar, olfato, sons, detalhes sutis, mostrados que sabemos não existir e que são revelados...
Qualquer coisa que a mente do homem pode conceber, pode, também alcançar.
Willian C. Stone
<<

Euzébio

Avatar do usuário

Gerente

Mensagens: 4037

Registrado em: Sáb Nov 29, 2003 7:15 am

Localização: São Paulo - Capital

Mensagem Dom Mai 26, 2013 9:46 pm

Isso mesmo, Sofia! Obrigado... ;)
Ad Honorem Extraterrestris

29 de novembro de 2013: 10 anos de Vigília!
<<

Imensidão

Mensagens: 277

Registrado em: Seg Mar 24, 2008 1:43 pm

Localização: santa catarina

Mensagem Seg Mai 27, 2013 9:44 am

apagado.
Editado pela última vez por Imensidão em Seg Mai 27, 2013 6:08 pm, em um total de 1 vez.
CENTENAS DE BILHÕES DE SÓIS...
<<

Cavaleiro

Avatar do usuário

Moderador

Mensagens: 810

Registrado em: Ter Ago 04, 2009 11:10 am

Localização: Portugal

Mensagem Seg Mai 27, 2013 1:21 pm

A questão é que eu tenho aquilo a que vocês chamam de sonhos normais.
Muitas vezes esses sonhos são em com contextos desconexos uns dos outros. Tanto posso estar dentro de água a respirar normalmente (adoro) como de repente em terra. Consigo voar baixo e de um momento para o outro estou de pé sem ter havido uma transição.
Mas na maior parte das vezes tenho noção de dor, de queda (com a respectiva sensação de “borboletas” na barriga que detesto), de tacto, acho que já senti cheiro, e por vezes os sonhos são tão reais que me deixam impressionados durante o resto do dia. Chegam a afectar o meu estado de espírito.
Não acontece sempre, claro.
Todas as sensações de dor, tacto, etc são de fraca intensidade mas ainda assim incomodam. Se acordo nessa altura fico com a sensação durante alguns minutos (poucos).

Se tivermos em conta que um sonho é a “materialização” de um pensamento em imagens mentais, com todas a memória sensitiva que lhe corresponde e que o nosso cérebro pode gerar uma sensação sem que ela seja real mas que é descodificada pelo nosso sistema nervoso (afinal de contas uma sensação é um conjunto de impulsos eléctricos transmitidos ao sistema nervoso que os descodifica e reage em conformidade), julgo que há toda uma possibilidade de que esses tais sonhos reais sejam apenas sonhos vividos por quem os tem com muita intensidade.
Recordo-vos sobre esta questão do cérebro gerar sensações que não existem, que muitos dos indivíduos amputados continuam a sentir dor e outras sensações mesmo depois da amputação. O cérebro mantém ainda a memória sensitiva do membro amputado.

Quanto ao nos recordar-mos de um sonho, segundo estudos feitos, isso acontece quando acordamos durante a fase REM.
Curiosamente é nesta fase que acontecem os fenómenos muitas vezes atribuídas a abduções. Paralisias do sono etc.
Leiam o link abaixo sff.
http://pt.wikipedia.org/wiki/REM_%28sono%29

Atenção que não estou a dizer com isto que não acredito em sonhos lúcidos, mas é importante conhecer-mos a fronteira entre o sonho e o sonho lúcido. Acho que essa fronteira é muito ténue e por isso muito difícil de perceber mas ao mesmo tempo muito importante de reconhecer.
"Não podemos confundir os factos com aquilo que gostaríamos que eles fossem, sob pena de uma investigação séria sobre ovnilogia se transformar numa espécie de devaneio religioso."
de José Manuel Chorão
<<

Alexandre

Avatar do usuário

Moderador

Mensagens: 1334

Registrado em: Dom Ago 07, 2005 6:10 pm

Localização: Mogi das Cruzes SP

Mensagem Qui Mai 30, 2013 10:34 pm

...


Cara, essa coisa de "borboletas na barriga" é o que uma antiga namorada minha dizia sentir quando estava comigo ou quando longe pensava em mim. :D
A ausência da evidência não significa evidência da ausência.
Carl Sagan
Bem-aventurados os que não viram e creram.
Jesus Cristo
<<

Kosmus15

Avatar do usuário

Mensagens: 103

Registrado em: Sex Mai 03, 2013 11:46 pm

Localização: Brasil

Mensagem Qui Mai 30, 2013 11:14 pm

Cavaleiro, quando tiver um tempo ouça este áudio:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=yF2tgdKKfeE[/youtube]


Segundo a literatura, há aspectos semelhantes entres sonhos lúcidos, semi-lúcidos, sonhos normais, lembranças, projeções e experiências extra-sensoriais.
Anterior

Voltar para Bem Vindo ao Fórum!

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes

  • Advertisement
cron